• IPDAL

IPDAL OBSERVADOR DA CPLP

O Instituto foi aprovado como membro Observador Consultivo da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP). O estatuto foi oficialmente atribuído ao IPDAL durante a XI Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, que decorreu nos dias 31 de Outubro e 1 de Novembro de 2016, em Brasília. Para o Presidente do Instituto, “é muito importante para o IPDAL ser reconhecido, pelos Chefes de Estado da CPLP, como Membro Observador Consultivo da Organização. A nossa candidatura foi apadrinhada por Portugal e Cabo Verde e aprovada por todos os países membros.” Paulo Neves acrescentou que “Nos últimos anos, o IPDAL tem promovido os países da América Latina junto dos países da CPLP em várias ocasiões e iniciativas, nomeadamente com o Encontro América Latina-CPLP, que já vai para a 3a edição e que é organizado pelo IPDAL com o apoio da CPLP, da SEGIB e SOFID. Trata-se de uma grande vitória do IPDAL e um enorme estímulo.” Apesar de focar a sua área de intervenção na América Latina, o IPDAL está ciente da importância do eixo emergente entre África e América Latina, quer ao nível das relações económicas e comerciais, quer nos planos político, diplomático, securitário e cultural. A ligação do Instituto aos países de Língua Oficial Portuguesa, e à CPLP como bloco, tem sido incrementada através dos contactos diplomáticos que o IPDAL efetua junto das Embaixadas em Portugal e de várias organizações africanas, com o desejável objetivo de poder funcionar como hub, potenciando as ligações entre os dois lados do Atlântico. Neste sentido, os Encontros “Triângulo Estratégico: América Latina – Europa – África’’ são já uma imagem de marca do IPDAL, que reúne desde 2012, em Lisboa, personalidades de Alto Nível dos meios, político, diplomático, financeiro, empresarial, académico e cultural, dos três continentes. A CPLP participou em todos estes Encontros, que contam com o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República de Portugal e já trouxeram a Lisboa, na terceira edição em 2014, o antigo Presidente da República e antigo Primeiro-Ministro de República de Cabo Verde, Pedro Pires. A própria Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, CPLP, tem-se destacado pelo papel ativo que tem desempenhado em todos os Encontros ‘’Triângulo Estratégico’’. Em 2012 e 2013 fez-se representar pelo então Diretor-Geral, Hélder Vaz Lopes. Em 2014, 2015 e 2016, a representação da CPLP esteve a cargo da Assessora Político-diplomática, Embaixadora Alda Santos. No “II Encontro América Latina – CPLP”, em 2015, participaram o Secretário Executivo da Organização, Embaixador Murade Murargy, a Secretária-Geral Adjunta da SEGIB, Embaixadora Mariangela Rebuá de Andrade Simões, o Ministro para Políticas Nacionais do Governo de Nicarágua, os embaixadores dos dois blocos e representantes de países observadores da CPLP, como Geórgia, Japão, Senegal e Turquia, além de várias empresas portuguesas com interesses estratégicos nestas geografias. Créditos Fotografia: André Kosters / LUSA

4 views0 comments

Recent Posts

See All